Notícias
15 Set. 2015 «8 Espaços para 7 Olhares» em Viana do Castelo Exposição integrada no projeto «Rota das Catedrais» inaugura no Museu de Artes Decorativas, em Viana do Castelo, na próxima sexta-feira. Evento
A Direção Regional de Cultura do Norte inaugura, na próxima sexta-feira, dia 18, pelas 18h30, no Museu de Artes Decorativas em Viana do Castelo, a Exposição de Fotografia «8 Espaços para 7 Olhares».

A mostra insere-se no projeto Rota das Catedrais do Norte de Portugal e apresenta propostas de Egídio Santos - Concatedral de Miranda do Douro; Inês d’Orey - Sé de Viana do Castelo; Luís Ferreira Alves - Sé Catedral do Porto; Paulo Alegria – Sé Catedral de Lamego; Paulo Pimenta - Sé Catedral de Braga; Pedro Lobo - Sé de Vila Real; Rita Burmester - Antiga Sé de Bragança e Sé Catedral de Bragança (nova).

 
Trata-se de uma exposição itinerante que irá percorrer as cidades onde se localizam as Sés do Norte de Portugal. Depois de ter passado por Bragança, mais precisamente pelo Museu do Abade de Baçal, a mostra ficará agora patente ao público no Museu de Artes Decorativas em Viana do Castelo, de onde sairá para, com caráter excecional, ser apresentada em Santiago de Compostela.

Para além da Exposição de Fotografia «8 Espaços para 7 Olhares», a Direção Regional de Cultura do Norte promoveu, igualmente, e em simultâneo nas sete catedrais do Norte de Portugal, a Exposição de Arte Contemporânea «7 Instâncias de Transcendência», apresentando trabalhos de Alberto Carneiro (Sé de Lamego), Avelino Sá (Sé de Viana do Castelo), Clara Menéres (Sé do Porto), Isaque Pinheiro (Concatedral de Miranda do Douro), João Carqueijeiro (Sé de Braga), Manuel Rosa (antiga Sé de Bragança), Zulmiro de Carvalho (Sé de Vila Real). 

Dado o elevado interesse que tem suscitado, a proposta apresentada por Clara Menéres, na Sé do Porto, vai ser prolongada, ficando em exposição até meados de outubro. 

Estas exposições são ações imateriais integradas na Rota das Catedrais do Norte de Portugal, operação financiada pelo ON.2 – O Novo Norte e desenvolvido pela Direção Regional de Cultura do Norte em colaboração com os cabidos das Sés Catedrais e Fábricas da Igreja.

A Rota das Catedrais do Norte de Portugal é um dos projetos de maior expressão da Direção Regional de Cultura do Norte, com um investimento global de cerca de 3,8 Milhões de Euros.